Governo de Goiás

Secretaria de Ciência e Tecnologia do Estado de Goiás

Procure o que você precisa:
Quarta, 13 de Novembro de 2019
Notícias
Política de inovação goiana é tema em evento internacional
22/07/2014 18h49 - Atualizado em 22/07/2014 19h04

A política de inovação conduzida pelo Governo do Estado será tema de debate em evento mundial. A 14ª Conferência Internacional de Política Tecnológica e Inovação, que acontece em Brno, República Tcheca, de 9 a 12 de setembro deste ano, destaca a experiência goiana. A conferência é promovida pela Masaryk University e o resultado do trabalho realizado em Goiás será incluído nas publicações do evento.

De acordo com o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação (Sectec), Mauro Faiad, os programas coordenados por sua pasta despertam a atenção de organismos internacionais, em especial o processo de implantação de Arranjos Produtivos Locais (APLs), mecanismos que fortalecem vocações econômicas de municípios por meio da qualificação profissional e inovação tecnológica.

A conferência promovida pela Masaryk University tem como principal enfoque oportunidades, desafios e políticas relacionadas à criação de capacidades em regiões tecnologicamente emergentes, informa a superintendente de Desenvolvimento Tecnológico, Inovação e Fomento à Tecnologia da Informação, Aline Figlioli. Ela, o secretário Faiad, e a chefe do Gabinete de Gestão de Capacitação e Formação Tecnológica, Soraia Paranhos Netto, assinam o artigo científico.

O trabalho goiano será incluído nas publicações da conferência, terá uma apresentação visual no formato de banners virtuais e, além disso, os autores terão espaço para dissertação verbal durante o evento. Aline Figlioli deve ser a escolhida para representar o Estado.

A abordagem central do documento apresentado à conferência é a promoção do desenvolvimento de Arranjos Produtivos Locais por meio da capacitação profissional, acesso a serviços tecnológicos e aquisição de equipamentos de utilização coletiva que beneficiam empreendedores locais.

Recentemente, o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) colocou Goiás entre os três estados mais avançados em Arranjos Produtivos Locais (APLs), um dos principais projetos coordenados pela Sectec.

Segundo o secretário Mauro Faiad, serão investidos R$ 30 milhões até o final do ano, o que trará benefícios diretos para mais de 100 mil trabalhadores e pequenos produtores goianos.

Para Faiad, o acesso deste segmento às tecnologias de ponta propicia aumento da produtividade, o que se traduz em maior número de empregos oferecidos em todas as localidades do Estado, com crescimento econômico nas mais diversas regiões.

Os destaques são: APL de Confecções (Jaraguá, Pontalina, Catalão, Itaguaru, Itapuranga e Taquaral); APL Lácteo de São Luiz de Montes Belos (engloba 21 municípios); APL de Cerâmica Vermelha (norte goiano); APL de Tecnologia da Informação - TI (Região Metropolitana de Goiânia e Anápolis). Recebem ainda atenção especial mel, banana e orgânicos.

Na foto, o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação (Sectec), Mauro Faiad e a superintendente de Desenvolvimento Tecnológico, Inovação e Fomento à Tecnologia da Informação, Aline Figlioli, durante inauguração do Colégio Tecnológico (Cotec) de Jaraguá.

Secretário Mauro Faiad e Superintendente Aline Figlioli

Rua 82 s/nº Palácio Pedro Ludovico Teixeira 2ºAndar Setor Sul CEP 74015-908

© Copyright 2012. Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento